Ceivar organiza a XI Cadeia humana pola liberdade d@s pres@s independentistas

Por Antia Seoane /

Com motivo da celebraçom do Dia da Pátria, o Organismo Popular Anti-repressivo CEIVAR organiza a XI ediçom da Cadeia Humana pola Liberdade das/os presas/os independentistas que terá lugar o dia 24 de Julho às 18:30 horas na Praça da Galiza, em Compostela. Umha vez finalizada a Cadeia Humana celebrara-se umha ceia de convívio entre as pessoas solidarias que o desejem às 21.00 horas na Gentalha do Pichel.

A Cadeia Humana é por excelência o ato reivindicativo anual no que se exigem a repatriaçom d@s independentistas galeg@s pres@s, a suspensom das estratégias de extermínio carcerário e a liberdade de quem se encontram desterrad@s por participarem no processo de emancipaçom nacional e social da Galiza. Assim mesmo é também o momento no que, mao com mao, se tece a rede de solidariedade que consegue visibilizar às presas independentistas da Galiza e denunciar as ilegalidades e ilegitimidades que estám a sofrer nas prisons espanholas.

15 anos dándo-lhe à cisalha

Decorrerom já 365 dias desde a anterior Cadeia Humana e durante este ano o povo galego mais combativo enfrentou-se de novo a incontáveis processos repressivos, assim como a numerosas sançons em todas as suas vertentes.

Mas este ano também houve motivos para a celebraçom já que o passado 1 de Maio era posto em liberdade Diego Santim, militante independentista viguês, depois de sofrer os últimos 3 anos de cadeia na prisom de Topas (Salamanca), a centos de quilómetros da sua terra e em regime de FIES-3.

Este ano 2018 também se celebra o XV aniversario do nascimento de Ceivar, motivo polo qual o organismo anti-repressivo apresentou para festexa-lo o vídeo-clip “De volta para Compostela” com a colaboraçom do grupo Tecor Societário e Galiza Contrainfo.

Além da Cadeia Humana, Ceivar disporá o 25 de Julho de um ponto de venda no Festigal onde se poderá mercar diverso material novo do Organismo Popular Anti-repressivo e enviar umhas postais aos/ás presas independentistas numha data tam assinalada para todas.